Comentando – Fairy Tail #348 – O Retorno do Demônio

capaSim, Gray. Você também não podia escapar.

Com demora mas cheguei!!! Chego com mais uma resenha do nosso mangá favorito, dessa vez pegando muito fogo e com momentos chocantes de se partir o coração! Primeiramente, mil desculpas pela demora!!! Trabalhos e mais trabalhos da faculdade me enchendo até a guela, mas vamo seguindo, né? Agora partindo para o que interessa, quem seria este demônio que voltaria das profundezas do submundo para atormentar um certo alguém? Já já vamos saber!

Capa com a ficha da Yukino!! Uma simples observação: acho a Yukino uma grande vencedora.

capa

 

As primeiras páginas nos mostram como Flare viveu e conviveu com os gigantes naquela vila. Pelo visto não foi algo fácil, afinal, como você se sentiria ao viver grande parte da sua vida sem nunca ter visto alguém do mesmo tamanho que você? Devido à isso ela fugiu e entrou para a Raven Tail, porém, sem saber nada sobre a ideologia maldosa e cruel daquela guilda. Ela apenas sabia que a Raven Tail odiava a Fairy Tail, normal (nossa, super normal). Em seguida ela pediu desculpas à Wendy e Lucy, e decidiu levá-las à chama eterna que, segundo ela, seria capaz de derreter todo aquele gelo. Disso nós já sabemos, o problema é que a chama tá congelada né? Enfim.

01

 

Logo depois a cena muda para Charlie e Happy, que podiam voar porque uma “coisa” está patrulhando o céu enquanto Natsu ainda está fugindo.

Bem depois nos deparamos com a INJUSTA e CRUEL batalha entre Erza e Minerva, que está mais para a Minerva fazendo da Erza um saco de pancada do que outra coisa. Nossa pequenina ruiva tenta e tenta de todas as formas possíveis deter os constantes ataques da megera, porém, nada surte efeito. VÍBORA, CASCAVEL, INFELIZ! MORRE, DIABA!! Alguém detenha esta maluca?!?!?! Chamem o Conselho Tutelar!!!

02

 

Enfim, chegamos num momento bastante tenso do capítulo. A cena parte do ponto onde o mago da guilda das trevas Succubus Eye está caminhando sem sua máscara atrás de Natsu, seu oponente anterior. Porém, alguém o aborda no caminho: Gray! Parece que Gray não está muito ciente da situação que os ronda. Natsu criança, Erza criança em perigo extremo… enfim. O problema é que ele foi se deparar justo com o mago responsável por tudo aquilo! Claro, atrevidinho, como só nosso mago do gelo sabe ser, ele perguntou quem ele era e porque ele estava com a boca daquele jeito. E com um movimento meio grotesco, o monstrengo (não adianta, gente, só vou gravar o nome dele quando o anime voltar) encara Gray e responde “É PRA TE COMER”. E como todos já devem imaginar, Gray se transforma em uma fofa e singela criança.

03

 

Porém, a situação foi um pouco diferente de como imaginávamos. Ao invés de Gray ficar se questionando em COMO ele ficou daquele jeito, aquela forma lhe trouxe alguns tormentos do passado. Deliora, Ur, Ultear… Parece que trouxe à tona todos os seus tormentos do passado ao sentir-se uma criança indefesa que necessitaria novamente de proteção. Foi então que ele começou a ter uma crise nervosa, e eu querendo consolar o coitadinho e não podendo…

04

 

Então o monstrengo começa a explicar que aquela forma trazia de volta as lembranças que a vítima guardava quando era criança, que no caso do Gray, foi sua infância hiper traumatizante. Enquanto ele ria do sofrimento do pequeno, Gray clamava por socorro porque via Deliora em seus sonhos mais uma vez. Aproveitando-se da fraqueza deste, o cruel mago o pegou pelo pescoço resolveu compartilhar com nosso mago do gelo uma singela e IMPORTANTE informação: “Existe um lugar onde você não deve jamais por os pés. Este lugar se chama Submundo e você está bem no portão de entrada dele.” ONDE É ESSE SUBMUNDO?!?!!?!?!?! Pela milésima vez ele está sendo mencionado!!

Logo após a declaração de seu algoz, Gray escuta em sua mente a voz de Ur, lhe confortando e lhe dando forças para proteger seus amigos em perigo. E assim o fez!! Gray tirou forças do inferno para usar sua magia de gelo e conseguir se soltar de seu agressor. Gota da Lua, gelo, criança, demônio, de fato esses fatores do primeiríssimo arco de Fairy Tail estão voltando à tona junto com as lembranças fortes de Gray! ADOREI!

06

 

De repente Gray perguntou se aquele infeliz era responsável pelo congelamento. Nós descobriríamos de fato se ele não respondesse: “E SE FOSSE?”. Eu sinceramente odeio esse tipo de resposta, mas para mim é mais um “SIM”, então está VÁLIDO! Gray, BASTANTE P*** DA VIDA, o desafia para uma luta daquela forma MESMO!! E ainda xingou a magia de gelo do cara e prometeu mostrar como se faz! Sim, EU ESTOU BOTANDO MUITA FÉ!

07

 

 

Final de capítulo LINDÍSSIMO! Surtei muito, principalmente quando o Gray começou a ter aquelas crises psicológicas! Adoro um personagem durão em estado frágil! Alguém tem alguma ideia do que seja esse Submundo? O Mashima, a cada nova saga ele vai criando inúmeros mistérios novos, sendo apenas 10% deles desvendados na mesma saga deixando o principal para as próximas ou para o final do mangá. Sinceramente eu gosto dessa jogada dele, isso prende bastante os leitores deixando-os curiosos para os próximos acontecimentos, afinal, o que seria de Fairy Tail ou qualquer shonnen que se preze se a cada final de saga TODOS os mistérios fossem desvendados no final de cada uma delas? Todo mundo ia droppar e voltar a acompanhar sem precisar revisar os anteriores. Como eu sempre gosto de colocar o Zeref em minhas teorias, esse negócio de Submundo é culpa dele, PRONTO!

E o Gray vai ganhar essa luta!!! Botei muita fé nesse pequenino!!! GO GO FAIRY TAIL!!!

Até a próxima!

BLOG 1

 

Curta nossa página no Facebook!

BLOG 2

Siga-nos no Twitter!

BLOG 3

Assine nosso Feed!

BLOG 4

Nos acompanhe no Ask!

RukiaBwahaha

Por Nanda Kuchiki

9 comentários em “Comentando – Fairy Tail #348 – O Retorno do Demônio

  1. Eu querendo dormir e você coloca mais uma resenha no ar em nanda ? :/ rsrs esse arco tá andando legal,eu espero que o titio Mashima ”dessa vez” esteja ”planejando o arco todo” ao invés de tacar essas coisas misteriosas igual ao que ele fez com vários outros elementos nos primeiros arcos.Só quero ver se o Gray vai mesmo derrotar esse bichão ai.Sem teorias para esse capítulo 😦

    Curtir

    • Adooro tirar o sono das pessoas hauhauhauha geralmente so posto resenha à noite XD
      De fato ele ta deixando muuuuitas coisas misteriosas, principalmente esse tal de Submundo! Eu acho que o Gray vai ganhar!! Ele ta mto confiante *____*

      Curtir

  2. Em certas culturas o submundo/inferno é visto não como uma terra de fogo, mas como uma terra de gelo. Bem, não sei se isso foi quase isso que o Mashima se inspirou, mas no final quando você mencionou um Zeref eu tive uma ideia aqui um pouco mirabolante.

    O Submundo pode ser a origem dos magos, quero dizer, a terra que FT e Cia vivem é um mundo de humanos normais junto com magos e outros animais. O Submundo seria um mundo onde só existe magos. Quando houve a guerra dos dragões vs magos, estes se refugiaram no submundo e criaram um estado lá. Alguns partiram para a superfície e ensinaram magia às pessoas normais e assim nasceram as guildas…

    Bem é só uma ideia, queria compartilhar com vocês o/. Mesmo sabendo que não tem verossimilhança…

    Curtir

    • Noooossa que teoria liinda!!! Faz muito sentido!! Lembra em Tenroujima onde o Purehito disse que a origem da magia pode ter sido das trevas?! Me veio isso quando voce mencionou essa teoria ❤ Cara, faz muuuuuito sentidooo!!!! Como n pensei nisso antes?! Pode ter sido no submundo a origem da magia e que o Purehito esteja certo!! Tanto que ele quis reviver o Zeref para ter essas respostas!! Nossa que demais!!!! Adoreeei!! =3

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s