Eu Recomendo – A misteriosa esfera negra Gantz

gantz

Oi, Olá.

Meu nome é Joyce, sou nova no Gekkou Gear. Serei responsável por alguns posts de agora em diante, cada um terá uma temática em comum, sempre procuro trabalhar dentro dos gêneros de J-Horror/Terror em anime e mangás, gêneros que há muito tempo vem se perdendo diante grandes títulos. Mas, não deixarei a arte do horror morrer.

Todos meus posts se encontram disponível também na Rede Social: AnimeSpirit.

Começarei com meu post falando sobre um grande titulo Seinen, conhecido por muitos e apreciados por todos: Sim, falarei sobre Gantz.

Gantz – ガンツ

Gantz, mangá/anime do gênero Seinen escrito e desenhado pelo mangaká Hiroya Oku no ano de 2000 e publicado pela revista Weekly Young Jump. Logo em seguida ganhou adaptação para anime em 2004 com o número de 13 episódios, devido ao sucesso o mesmo ganhou outra nova adaptação intitulada por: Gantz Second Stage, com também 13 episódios exibidos.

O mangá chegou ao fim no dia 25 de junho de 2013 com o total de 383 capítulos.

Sinopse:

Um encontro entre dois antigos amigos poderia mudar o rumo de suas vidas, Kei Kurono, um jovem de 15 anos sem confiança em si e nas pessoas a sua volta, um pervertido assumido; já Masaru Katou, um antigo amigo de Kurono, é completamente seu oposto: Seguro, gentil, sempre procura a pensar no bem estar das demais pessoas, até mesmo em desconhecidos, é este fato que os leva a ter um rumo trágico em suas vidas.

Um dia comum de semana, Kei Kurono espera no metro seu respectivo trem, enquanto esfoliava as paginas de sua revista pornô e elevava seus pensamentos egoístas. Avista ao seu lado, e não o reconhece de primeira, seu antigo colega Masaru Katou, tenta evita-lo ao máximo que podia. É quando um mendigo, bêbado por sinal, acaba caindo nos trilhos do metrô.

As pessoas que ali se encontraram apenas o olhou, ninguém ao menos moveu um dedo para ajudar o homem, é quando um ato surpreende para todos, Masaru Katou olhou para cima com gotas de suor em seu rosto e resolve ajuda-lo pulando nos trilhos indo em direção ao homem. Todos olham surpresos com o ato do garoto, é quando Katou tenta levantar o homem, o que foi em vão, em uma tentativa de encontrar alguém para ajuda-lo vê Kurono, o reconhece imediatamente, e surpreendentemente o jovem egoísta pula nos trilhos indo ajudar seu antigo amigo. Eles conseguem realizar seu ato de heroísmo com sucesso, mas o trem se aproximava a cada segundo, e infelizmente os jovens estudantes não consegue sair do trilho, tendo ambos uma morte trágica.

Em um piscar de olhos, os dois reaparece misteriosamente em uma pequena sala, lá encontrava-se varias pessoas, tão confusas quanto eles, e no centro uma grande e misteriosa esfera negra nomeada Gantz, dês de então todos receberam uma missão, eliminar certos Alienígenas.

Gantz é aquele tipo de mangá ame ou odeie, muitos admiram outros o desprezam, isso vai totalmente dos seus gostos. Particularmente dizendo, é o tipo de mangá que não faltaria em minha estante.

Há, de certo modo, um exagero em suas cenas de mutilação e sexo, estas características poderiam desfavorecer a história, o que não ocorreu de certo modo.

– Uma vez o mangá atingindo seu sucesso esperado, ganhou depois de 4 anos uma adaptação animada. –

Sobre o anime…

Este não seguiu perfeitamente o mangá, tendo cenas e até mesmo histórias na qual não existia no roteiro original, principalmente o final, que – para muitos – foi decepcionante.

Quanto ao mangá…

O ponto negativo do mangá, quem sabe o único, é seu início confuso.
Para mim nem tanto, mas posso garantir que muitas pessoas desistiram de ler tal mangá por achá-lo “sem pé nem cabeça”.

E a história em si? 

Não tem o que reclamar. Gantz mostrou durante seus longos anos de lançamento um mangá excelente, o melhor do gênero Seinen, e até mesmo aqui no Brasil ocupa o 5º lugar de mangá mais lido, perdendo para títulos Shounen – que obviamente é o gênero mais famoso – como Naruto, One Piece, Bleach e Fairy Tail.

Se você gosta de uma boa história sobre alienígenas, não poderia faltar Gantz em sua lista.

Só dou uma dica: Não se apegue de mais aos personagens, para não sofrer tanto quanto eu. (rsrs)

Quanto aos personagens?

Kurono Kei

Kurono Kei é aquele tipico protagonista que odiamos à primeira vista, mas com o passar do tempo e dos acontecimentos se torna um de seus favoritos. Sem sombra de duvidas, é um personagem muito interessante.

Masaru Katou

Já Masaru Katou não é aquele tipico “fodão” da história como Kei, seu dom para seguir o que é certo o tornou um líder, respeitado, mas afrente na história.

Kei Kishimoto

E não pode faltar a parte feminina do grupo: Kei Kishimoto, que ao aparecer completamente nua na sala de Gantz automaticamente vira alvo de ameaças de estupros, o que não acontece já que o defensor Katou a salva.

Nishi Joichiro

Posso dizer, em minha opinião, um dos personagens mais diferentes que já vi, este seria o estudante de 14 anos: Nishi Joichirou, o veterano da sala de Gantz, o que aparentemente sabe de muitos segredos que esconde por traz da esfera negra, mas ele não diz nada, tornando alvo de ódio por muitos telespectadores (não por minha parte).

– Ao longo da trama outros personagens entraram, alguns irão “sair” de cena, mas estes acima foram os que eu considerei de importância para o início da história no anime, mas não no mangá. –

E as armas?

Com tanta adrenalina, mortes e seres de outro mundo no universo de Gantz, não poderia faltar elas, as tão surpreendentes e exageradas, armas para exterminar alienígenas.

X-Gun

A arma, que lembra uma pistola, ganhou esse nome devido a seu formato e capacidade de visão Raio-X.

Seu funcionamento é através de dois botões, que pressionados juntos causam uma explosão de dentro para fora, tornando desta arma uma das mais poderosas.

Seu único defeito é o atraso para a explosão, cerca de alguns segundos até o resultado destruidor.

Y-Gun

Com o nome dado também pelo formato, essa arma tem uma característica diferente das outras: teoricamente, ela não mata, mas, sim, teletransporta seu alvo para outro local. Uma tipica arma de captura.

X-Rifle

Resultado esperado de acordo com seu nome, X-Rifle tem um alcance maior que as demais armas, porém tende a carregar a cada tiro. Alem de ser mais precisa, tem um poder de destruição muito superior.

Dentre essas citadas, existe mais um número de armas, não direi sobre elas por conter somente no mangá. –

E o que seria o Gantz Suit?

Nada mais do que o uniforme negro de alta tecnologia – desprezado por todos, por parecer um tipo de cosplay.

Este é de grande importância para a sobrevivência dos participantes de Gantz, sem ele é praticamente impossível manter-se vivo durante as missões.

O aumento da força de quem veste aGantz Suit

É de 0 a 100, podendo lutar aos punhos contra os alienígenas, sem contar da grande resistência que esta roupa lhe da, sendo possível ficar imune a impactos e alguns tiros das armas de Gantz.

Mesmo uma roupa de imensas vantagens como a Gantz Suit contem seus pontos fracos, e um deles é o limite de danos que a roupa impõe. Ao atingir tal limite os “botoes” brancos, expostos por vários locais da roupa, se quebram ou derretem, passa a ser apenas uma roupa normal.

Por fim…

Mesmo com tantos alienígenas, armas, lutas, sangue e sexo, Gantz é um mangá que se destaca por sua história bem elaborada e as milhares reviravoltas que a mesma possui, vale muito apena ser lido, do inicio ao fim.

19 comentários em “Eu Recomendo – A misteriosa esfera negra Gantz

  1. Gantz é um manga muito bom, o início não chega a ser confusa, o autor só entra em uma grande introdução do mundo do manga. Acho que o fato de muitos odiarem é que deve ter sido massivo acompanhar alguns arcos semanalmente. Acho bem difícil ser o melhor do gênero Seinen com Berserk, Monster, 20th Century Boys e outras obras muito boas por ai, mas provavelmente é o melhor manga do gênero Sci-fi.

    Curtir

    • A Joy deu essa nota baseada na opinião e gostos dela e não baseada na verdade absoluta, até porque cada um tem sua opinião. Independente se tu concorda ou não, o mínimo que tu e qualquer pessoa DEVE fazer é respeitar a opinião dos outros e ser educado.

      Antes que tu pense errado, não estou te xingando nem querendo brigar, mas sim querendo dar esse toque porque é algo realmente importante que a gente deve levar conosco. 😉

      Curtir

      • Ah é, quando tu vai voltar com os ToCs? Ainda bem que não saiu nenhum ToC das revistas semanais semana passada, ou seja, menos trabalho pra tu. Alias, o que acha de fazer o ToC da Bessatssu Shonen Magazine? As informações do ToC da revista sempre saem em dia, só não sei se você conseguiria informações de todos os mangas dela. E tinha me esquecido, seja bem-vinda ao gh, sempre achei que faltava muito o conteúdo de mangás de horror, mistério e psicológico em blogs e fico feliz que vai começar a aparecer por aqui.

        Curtir

      • As ToCs da Bessatsu não são divulgadas regularmente, infelizmente, mas já to com a ideia de sempre fazer pras que saírem o/

        E qnt as ToCs, posso garantir que está tudo normal, inclusive já estou com o post da ToC da Magazine pronto 😀

        A Joy é mestra nesse gênero e eu tb sou grande fã de mangás nesse estilo \o/

        Curtir

    • Olá Felipe…
      Bem, é como o Hayate disse, eu dou as notas de acordo com minha opinião, e nesse caso, é meu mangá favorito rsrs
      Mas sei muito bem que exagerei, só demonstrei pontos positivos, acho que é coisa de fã mesmo, entende?
      Irei me esforçar para melhorar nas próximas postagens =)

      Curtir

  2. Eh um seinen fenomenal,compete com Hellsing na hegemonia do gênero no Brasil,e la no Japão fez uma despedida regular,não foram vendas ruins,mas em visto que já atingiu a 3 colocação nas vendas gerais debacando super shonnens como Bleach e Reborn na época.
    Eu só conheço o anime quando passo no Animax,e infelizmente fica difícil de adquirir o manga por já ta finalizado e possuir um grande numero de volumes,mas sempre ouvi falar da superioridade do mesmo em relação a animação,como foi destacado bem nesse ótimo post e uma excelente obra,e pra quem gosta do gênero seinen e obrigatório ler.

    Curtir

  3. Olá Joyce , Bem Vinda !
    Gantz é simplesmente divino , um dos melhores mangás do seu gênero , a história me prendeu do começo ao fim , odiei algumas coisas , amei outras como boa parte dos leitores , digamos que se o anime tivesse seguido o mangá , Gantz teria mais fãs , mas como o anime estava junto com o mangá na época se não me engano dai nem rolou :/ .
    Simplesmente a mudança do Kei Kurono nos arcos finais foi maravilhosa , o jeito dele de ver as coisas mudou totalmente ou mais ou menos , tudo por causa da Tae e pela amizade que ele construiu com a sua equipe .
    Acho os traços do Hiroya Oku os melhores , bem parecidos com I am a Hero , o ódio que o Oku tem de colocar em todas as pessoas no mangá é muito bom , fica muito mais realista .
    Apesar de Gantz ter terminado de uma forma estranha e ruim para min e do Oku ser extremamente preguiçoso , eu não me arrependo de ter lido essa obra .
    Recomendação para próximo post ~> Battle Royale .

    Curtir

    • Olá Wdeyvison.
      Obrigada pelas boas vindas =)
      E concordo com sua primeira frase, Gantz é divino, mas isso depende dos gostos dos leitores, claro que quem gosta (e acaba se fechando nos gêneros) de mangás Shounens não entenderia a preciosidade desta obra.
      E uma das coisas que aprendi com Gantz é nunca se apegar aos personagens rsrs

      Eu elevo novamente a mudança surpreendente do Kurono, ele é um dos personagens mais humanos e bem trabalhados que já vi, isso é por que não acostumo a me simpatizar com os protagonistas sabe =) o Kurono foi meu primeiro (sou realmente critica quando se trata de protagonistas).

      Os traços de Hiroya Oku foi o que me chamou bastante atenção, são os melhores que já vi (senso de fã subindo pela cabeça rsrs)

      Já comecei a ler Battle Royale, garanto que brevemente ele dará as caras por aqui =)
      Obrigada pelo comentário.

      Curtir

      • De nada , Fico feliz por você concordar comigo nesses aspectos .
        Esperando ansioso pelo seu próximo ” Eu Recomendo ” .

        Curtir

  4. Ótimo texto,Gantz é uma obra q eu adoro de verdade ,embora o final tenha me decpicionado em alguns pontos a serie é fantastica

    Curtir

      • Olá, muito obrigada ^^
        Realmente, Gantz é um incrível mangá, devo dizer que elevei muitos aspectos pessoais em relação a obra, isso por eu ser uma grande fã, creio que é algo normal. Tentarei ser mais critica, se bem que só falarei dos gêneros que gosto.
        Já eu, me encontro no meio dos poucos que gostaram do final, seu único problema é que foi incompleto, focou de mais no Kurono e Katou, esquecendo um pouco dos outros personagens.

        Curtir

  5. Ah, um bom manga de Sci-fi que seria bom no próximo ”Eu recomendo” seria Pluto, mas deve ser até complicado de fazer um post de um manga tão bom e genial. Acho que é bem raro de encontrar mangakas que conseguem criar boas histórias e sem furos no roteiro como o Naoki faz.

    Curtir

  6. Belo texto, bem resumido e falando o que realmente é de interesse. Ainda não li todo gantz (queria colecioná-lo, mas sem grana e achar alguem disposto a vender fica dificil).

    Curtir

  7. Coluna nova o/. Gostei do texto, explicou bem vários detalhes de Gantz. Eu gostei muito de Gantz, achei o final um pouco vazio, mas algumas coisas já haviam sido reveladas por aquele “ser” que mudava de rosto. Minha única crítica a Gantz acho que é pela má utilização dos “vampiros” e a mudança de fórmula do mangá foi bastante radical, plausível para o enredo, mas acho q nem tanto para parte dos fãs que havia gostado de Gantz pela fórmula de sobrevivência.

    Curtir

  8. Eu estou lendo, ja estou no capitulo 200 e poco, e a historia continua mudando e prendendo cada vez mais.

    Para aqueles que pretendem ler: as vezes o manga fica confuso e desanimador por alguns capitulos, mas isso significa que vai melhorar bastante em seguida. NAO DESANIMEM!!

    Curtir

  9. Eu comecei com Gantz logo que saiu traduções para o inglês, acompanhei durante anos…. dropei ele umas 3 ou 4 vezes ao longo desse caminho… e só voltei a ler na reta final. É um mangá que tem altos e baixos.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s