Mas afinal, a Shonen Jump está decaindo?

Weekly Shonen Jump

Será que é verdade mesmo?

Olá pessoal, eu sou o KarraskO, novo redator aqui do Gekkou Gear e também admin do grupo GYN Scans.

Hoje eu vou comentar um pouco sobre um assunto polêmico que volta e meia é discutido em fóruns e em grupos de fãs da famosa antologia japonesa Shonen Jump. Afinal, nesse último ano a Jump decaiu?

Bem, antes de responder essa pergunta, vamos nos atentar aos acontecimentos dos últimos tempos.

naruto_vs__bleach_by_getsuga_rasengan-d55p1g7

Recentemente na Shonen Jump, foi anunciado o último arco de Bleach, que querendo ou não, é um dos mangás mais clássicos da revista e está entre os TOP 10 mais vendidos de todos os tempos da mesma. Foram finalizados também, de forma natural (?), três mangás de nome e com uma fanbase consolidada, são eles Bakuman, Nurarihyon no Mago e Katekyo Hitman REBORN!. Além de tudo isso, podemos perceber claramente que Naruto (o segundo mangá mais vendido na atualidade e o terceiro de todos os tempos) está rumando para o seu final.

stars_1024_768

Considerando tudo isso, o saldo é bastante negativo, mas eu tenho a concepção e creio que os responsáveis pela revista também devem ter, de que tudo acaba, mesmo sendo bom e duradouro. E mesmo que a revista tenha sido dependente desses títulos por longos anos, eles deviam ter preparado algo para não deixar a peteca cair quando, infelizmente (ou não), os medalhões se aposentassem. Querendo ou não, a Jump iria sofrer uma renovação.

Como eu disse, a Jump sofreria uma renovação, ela era necessária. E assim aconteceu, ou melhor, começou a acontecer em 2012.

kagami-no-kuni-no-harisugawa-2469165

Com tantos títulos fortes sendo encerrados, muitos fãs ficaram desesperados (gente sem noção), mas o que muitos não esperavam era que fossem aparecer sucessos tão surpreendentes em um espaço de tempo bem curto. E quando eu digo curto, quero dizer que foi realmente rápido. Parecia que ao mesmo tempo que um mangá forte saía, um do mesmo nível entrava, mas com uma grande vantagem: Sangue novo. Com histórias simples, mas com personagens bem trabalhados, os novatos mostraram qualidade e poder de fogo para se manterem na disputa interna contra os atuais gigantes.

NisekoiSplash_0

O primeiro a se destacar foi Nisekoi, esse mangá estreou sobre grande desconfiança, pois na mesma época tinham mais mangás de comédia romântica sendo publicados e não vinham muito bem, entre eles Kagami no Kuni no Harisugawa. Que acabou sendo cancelado enquanto Nisekoi dava um baile na concorrência com sua fórmula clichê, mas muito bem executada de romance colegial. Os últimos testes de Nisekoi foram as novas estreias da Jump, outras comédias românticas e dessa vez com um apelo ecchi que era Pajama na Kanojo e Koisome Momiji. Pessoalmente, eu até achava Pajama interessante, mas em comparação com Nisekoi deixava a desejar e acabou sendo cancelado.

1331838207_haikyuu-poster-2

Depois de Nisekoi, outro novato arrebatador apareceu, um mangá de esporte de sangue quente, com personagens marrentos e a princípio até mesmo irritantes. Esse era Haikyuu!! Não tenho nem o que falar sobre esse mangá a não ser dizer que é realmente muito bom. Haikyuu, que também é conhecido com HQ!, se deu bem logo de cara. Primeiro porque seus personagens são muito carismáticos, segundo porque o esporte abordado na história é o voleibol, algo totalmente sem concorrência na Jump e nas revistas concorrentes diretas da Jump. E por fim, acho que HQ! teve uma certa facilidade para emplacar graças ao grande sucesso do também esportivo Kuroko no Basket, que reacendeu a chama de ler mangás esportivos nos leitores da Jump. Não estou de forma alguma tentando tirar os méritos do Furudate Haruichi, mas acho que seu mangá estreou em uma época bem oportuna.

Nota do Hayate: ”Haikyuu!! também se deu bem com os leitores porque a Jump divulgou muito a série, dando MUITAS páginas coloridas e até mesmo um capítulo todo colorido UI. Além de todo apelo fujoshi que a série tem, o povo japonês simplismente ama vôlei! E realmente estava faltando um mangá de voleibol nas revistas de mangás do Japão.”

PSI Kusuo Saiki - capítulo 22 (02-03)

Junto com HQ! também tivemos a estréia de outro mangá que vem dando o que falar na revista, o gag PSI Kusuo Saiki. Como eu ainda não li esse mangá, não posso dizer nada a não ser que o mesmo sempre se sai muito bem nas Table of Contents da revista. Ficando constantemente entre os 5 primeiros e que também vende muito para o gênero.

748dfd2f40023158961e801840d1948e1353608415_full

Agora o sucesso esmagador do ano de 2012 na Jump, Ansatsu Kyoushitsu, do famoso autor de Majin Tantei Nougami Neuro, Matsui Yuusei. Esse foi o grande BOOM! da temporada. Ansatsu, também conhecido como Assassination Classroom, chegou chutando o balde, botou pra esbagaçar realmente. Ficando constantemente entre o TOP 3 da Jump nas ToCs, a expectativa para as vendas de seu primeiro volume eram altíssimas e… foram completamente superadas. Até o momento que lhes escrevo esse texto mais de 600 mil cópias só do seu primeiro volume já foram vendidas e aumentando. Koro-sensei realmente está fazendo sucesso com a galera e merecidamente, com poderes realmente absurdos e apelativos, o protagonista da série é inabalável fisicamente, mas é muito sentimentalista e “transparente”. O que nos proporciona vários momentos bastante engraçados apesar do plot inicial da série que é assassiná-lo para que não destrua o planeta.

Nota do Hayate:AssClass já possui a marca de ter 2,700,000 em numero de cópias em circulação no Japão! Coisa pra poucos né, ainda mais com apenas dois volumes até o momento!”

Muitos criticam o sucesso de Ansatsu Kyoushitsu dizendo que o mesmo é muito simplório e massante, mas em minha visão essa análise é muito absurda e simplória. É tão óbvio que o nosso querido Matsui Yuusei esconde algo por trás das infantilidades do Kuro-sensei e esse “algo escondido” é o que nos atrai para a leitura, nos faz querer saber o que vem pela frente. Mas se tem gente que não consegue enxergar isso, fazer o que né?

14049211_zP0zi

E por fim, o último sucesso da Jump em 2012, Shokugeki no Soma, o mangá de culinária que vem me agradando cada vez mais a cada capítulo. Esse mangá é um show a parte artisticamente, o mangaká Saeki Shun consegue trazer muita vida as cenas descritas pelo roteiro de Tsukuda Yuuto, e essa sensação é tão forte que faz até meu olfato despertar, imaginando o cheirinho das comidas preparadas pelo nosso protagonista Soma. E por falar em Soma, cara que protagonista legal. Ele não é aquele cabeça oca irritante clássico nos mangás shounen. O cara tem um cérebro e isso me faz ter muita simpatia por ele, além disso, Soma não é aquele típico carinha fodão irritante (tipo Natsu), ele começa de baixo em relação aos outros personagens, sendo até rejeitado a princípio na escola de culinária que seu pai o matriculou. O objetivo não é fazer um review sobre o mangá, então paro por aqui.

Nota do Hayate:Saeki Shun, responsável pela arte do mangá, antes era mangaká de hentais. Por isso ele consegue desenhar tão bem as cenas de apelo ecchi e ainda assim passar uma sensação de prazer incrível quando as menininhas comem hahaha. E os desenhos dele são incríveis porque ele sabe desenhar muito bem!”

pajama-na-kanojo-3318523

Voltando a questão do título da postagem, a minha resposta é NÃO. A Jump não está decaindo, na verdade está melhorando muito, podemos ver uma grande variação na temática dos novos mangás de sucesso em vez do mesmo battle shounen de sempre, o que pra mim é bastante positivo (ó, já deu até tema para um novo texto). Temos também uma nova gama de personagens interessantes e bem trabalhados dentro das histórias, não é algo simplesmente jogado ali e que temos que engolir. Claro que em todo esse processo muita bucha foi simplesmente queimada, mas é assim mesmo, os editores não são idiotas, tenho certeza que muita bosta que foi publicada no ano de 2012 só entrou para ser cancelada, protegendo assim as séries que tinham um claro futuro promissor a sua frente. (entre as buchas tivemos: Sensei no Bulge, Takamagahara, Retsu!!! Date-Senpai, entre outros).

wsj2012-41

ufdssdrl

Só a título de curiosidade, aqui vai um comparativo de vendas do volume 4 de dois sucessos da Jump antigos e dois atuais em sua primeira semana de vendas:

Volume_0439087

83,216│ Toriko 4
67,147│ Kuroko no Basket 4
73,943│ Nisekoi 4
121,256│ Haikyuu!! 4

Nisekoi #4978-4-08-870555-2[1]

Bem, essa foi minha estréia aqui no Gekkou Gear, espero que tenham gostado do meu texto (isso se tiverem conseguido ler até o final). Fiquem atentos porque em breve eu devo estar aparecendo novamente para lhes trazer alguma informação legal ou discutir algum assunto interessante.

Koisome Momiji

facebook_gekkou_gear!

Curta nossa página no Facebook!

twitter_gekkou_gear!

Siga-nos no Twitter!

Por KarraskO

35 comentários em “Mas afinal, a Shonen Jump está decaindo?

  1. Lol o texto ficou muito bom karrasco. E fora isso, veio dados bem interessantes, como o nº de vendas do 4º volume dos mangas. Admito que fiquei surpreso com esses numeros. E concordo com vc. A jump está subindo de nivel em relação aos mangas.

    Curtir

  2. Concordo com você que a Jump está melhorando mas também não podemos dizer que ela é a mesma da década de 80 e 90 onde só tinham mangás fodas na grade.
    Agora em relação ao que estava uns tempos atrás ela está muito melhor, bem diversificada.
    Concordo plenamente com você com todos os mangás citados, o povo tem muita birra com Ansatsu mas eles não querem admitir que é um ótimo mangá.

    Curtir

    • Gosto de AssClass e acompanho toda semana, mas na minha opinião existem mangás melhores na Jump atualmente, como Kuroko no Basket, Medaka Box (Medaka-samaaaaaaaa!) e o clássico Hunter x Hunter.

      Curtir

  3. Esse Nisekoi parece ser muito interessante, pretendo começar a ler essa semana.

    Nada a falar de HQ! é o tipico mangá de esporte que quando você lê dá vontade de praticar o esporte. Só me senti assim lendo Air Gear e Kuroko no Basket. ( Se alguém conhecesse algum mangá bom de esporte que não seja Tsubasa e só me falar ).

    PSI Kusou Saiki é muito show pena que as scans gringas não dão um gás no mangá, pra você ter uma ideia eles só traduziram até o capítulo 5 e no japão já está no 41º.

    AssClass é muito, mas muito bom, ao mesmo tempo que você pensa que a história não pode ir para frente o Matsui Yuusei vai lá e te surpreende.

    Shokugeki no Soma está virando um dos meus mangás de culinária preferido só perde pra Toriko que junto comida e luta aí ( Pelo menos pra min não tem como ) superar. É verdade o que você falou eu não chego a imaginar o cheiro mais fico com muito fome vendo aqueles pratos bem desenhados.

    Esse HQ! não é mole vender mais que Toriko no volume 4º tudo bem que Toriko não era tão conhecido com é hoje em dia mais já é um grande feito, gosto muito desse mangá.

    Alguém me esclarece uma coisa, Bakuman, Reborn e Nura foram cancelados? Reborn eu sei que foi mas quanto a Nura e Bakuman eu não sei

    Curtir

  4. eu acho que a jump esta muito boa com titulos variados com varios temas diferentes,se tive-se so battle shounen na revista ai sim acharia que estaria decaindo,ate porque eu acho que a revista ficaria saturada de battle shonen e os leitores buscam diversas histórias diferentes e não so mais do mesmo.

    Curtir

  5. Fico inconformado de Reborn ter sido cancelado até hoje. Quando Naruto acabar a jump ainda tem Kuroko no Basket, Ansatsu Kyoushitsu, Bleach e Toriko pra dar conta do recado. Eu queria ler Retsu Date Senpai, mais n acho nem em inglês, queria saber porque foi cancelado tão rápido. E pelo jeito Hungry Joker tbm n vai durar muito, curti muito o tema ser explorado usando a ciência, achei bem diferente.

    Curtir

    • Naruto e Bleach tem que acabar, mesmo para os autores poderem fazer outros mangas que, se tudo der certo, podem ser ainda mais populares e, idealmente, superar One Piece.

      Curtir

  6. Kagami no Kuni no Harisugawa n foi cancelado, acabou por vontade do autor, e estava indo ateh bem na revista, inclusive em vendas…

    Curtir

    • E tbm, eu nao acho que eles coloquem series na jump que achem que vao dar errado, mas sim, acho que eles erram. Nao podemos esquecer que Sensei no Bulge chegou a ter ateh mesmo lancamento simultanio nos EUA, para ver como eles tinham feh nessa serie.

      Curtir

      • Tb penso da mesma forma. Acho que eles fazem como foi dito em Bakuman: Se for interessante, vai ser serializado.

        Sempre vai ser uma aposta, tudo vai sempre depender dos japinhas haha. Eu gostava de Bulge =/

        Curtir

    • Isso aí. Harisugawa nao foi cancelado. O autor comunicou que realmente estava sem ideais pra continuar a serie e que não queria fazer um trabalho ruim, por isso decidiu nao continuar mais o mangá. Fiquei bem triste quando acabou porque sempre gostei mt de Harisugawa, mas respeito bastante a decisão dele ^^

      E como tu disse, Harisugawa estava indo muito bem na revista, tanto nas ToCs, como nas vendas. Eu até comprei os volumes originais haha o/

      Curtir

      • XD Eu tbm gostava muito de Harisugawa, e foi MUITO popular no exterior, tendo como base os acessos em sites americanos de manga, surpreendentemente, sendo ateh mesmo o mais acessado (mais de 30 milhoes de acessos) no batoto.

        Curtir

  7. eu acho q jump não esta decaindo ela esta apenas numa fase diferente menos focada em mangás de ação isso não é ruim o problema é q por aqui se não for mangá de ação a maioria já acha q não presta

    Curtir

  8. Eu até concordo que a Jump melhorou e muito nesses últimos anos, na época do Trio de ouro da Jump ( Dragonball, Yu Yu Hakusho e Slam Dunk ) era só esses títulos e o resto, agora sim temos bons títulos variados.
    Acho que vc deveria especificar melhor o título no post, a Jump só decaiu em números de vendas das suas revistas semanais ( antigamente eram 4 Milhões, agora está na metade ) e vale ressaltar que o mercado de mangás mudou bastante, antes as pessoas compravam mais as revistas semanais e menos os volumes, agora é o inverso.
    Parabéns pela estréia KarraskO, começou muito bem com esse post “forte” continue assim.

    Curtir

    • Sem falar nas mudancas gerais do mundo, que se digitalizou daquela epoca para cah. Tanto que ai estah uma razao para a crescente popularidade de quadrinhos online (olha onepunch-man ai LOL)/

      Curtir

  9. Podemos ter uma boa safra de mangas novos, mas nenhum deles deve ter uma vida muito longa… vamos esperar para ver depois que bleach e naruto acabarem, se os numeros da venda da shonen jump ainda serão tão altos assim

    Curtir

  10. Acho que é muito inocente da parte de vocês acreditarem que todas as serializações da Jump são publicadas para dar certo, principalmente se tomar como base o mangá Bakuman que é BASTANTE sensacionalista.

    Como vou crer que um mangá com uma arte contestável e história rasa como Takamagahara que ficou apenas em quarto na GFC que disputou, entrou na revista como “aposta”. Pra mim é obvio que esse tipo de serialização só visa proteger outros mangás, principalmentes novatos com algum futuro e séries já estabelecidas que vem mal nas classificações (como estava Kurogane). Eu faria isso e sei que empresários que visam lucro (sim, falo dos cabeças da Shueisha) tambem fariam.

    Sobre Harisugawa, agora realmente me lembro que foi encerrada naturalmente, mas também me lembro de nos ultimos 10 capítulos o mangá figurar bastante entre os 5 ultimos.

    Curtir

    • Nao, porque a Jump quem controla sao eles, eles nao tem porque colocar um amnga ruim apenas para tomar espaco de outras series boas na midia (a Jump nao deixa de ser, principalmente um “comercial” para vender volumes). Assim eles estao perdendo dinheiro, porque, na verdade, eles decidem o que querem cancelar ou nao…. ou seja, se eles querem “proteger” alguma serie, digamos, Kurogane, eles simplesmente podem decidir nao cancela-la. A decisao eh deles, afinal.
      A Shueisha nao tem motivos para disperdicar um lugar na Jump para um manga no qual eles nao acreditem ou vejam alguma utilidade editorial, ainda mais Bulge, que foi publicado simultaniamente nos EUA…. quanto a posicao na GFC, isso eh importante, mas mais importante ainda eh a posicao na revista, e, assim, se os editores acharem que um manga otimo, digamos o primeiro lugar, nao iria se dar bem na revista, por questoes de genero ou tema, por exemplo, ele nao vai ser publicado, ou pode ter que esperar, por questoes estrategicas…. mas, no fim, publicar coisas na Jump para apenas serem tiradas depois eh simplesmente disperdicio de dinheiro e publicidade.

      Curtir

  11. A Jump realmente decaiu. Acho q nunca houve tantos mangás sendo cancelados na revista. Tbm acho q nunca mais vai ter a chamada “era de ouro” na revista

    Curtir

  12. Pra mim é o oposto, eu nunca vi tantas séries novas se manterem em um mesmo ano e tantas séries sendo encerradas de forma natural.

    Na verdade continuo dizendo que na maioria dos cancelamentos foram só buchas mesmo.
    Por mim tem uns dois ou três mangás tradicionais aí que deveriam ter ido junto.

    Curtir

  13. Sera que Hungry Joker tem muita chance de ser cancelado? e se for alguma outra revista pode pegar ele para publica-lo? e qual a chance disso acontecer? alguém me responde e por favor!!

    Curtir

  14. se os rankings de HJ continuarem horriveis como estão (e merecidamente) e o volume encadernado não vender bem é 100% garantido que vai rodar.

    Chances de ir pra outra revista não existe se for cancelado, no caso, teria que haver uma transferencia como houve com Claymore por exemplo, mas não é a situação já que o mangá não vem apresentando qualidade.

    Curtir

  15. Bom concordo em partes , pq se não a shueshia (é assim mesmo ?) n teria feito a jump versus . Creio que o problema se encontra nos b.shonen que desde de 2009 nenhum vingou e isso é beem tenso ,só os antigos é que mantém essa parte que é a que mais vende e gera produtos querendo ou não é beem compreensível que eles estejam desesperados por um novo mangá assim , só n estão mais assim pq ainda tem seu medalhões mais logo ,logo , naruto , medaka box (n dessa vez claro) ,bleach vão ir e ai só vai ficar one piece e toriko nessa área e sem contar no sucesso da shonen sunday nessa área últimamente !!

    Curtir

  16. Ah, e uma coisa que eu me esqueci de comentar é que, de facto, a JUMP está a decair. Não a decair como um todo, mas sim em parte, nomeadamente na parte shounen, que não tem um bom título (falando na opinião dos japoneses, porque da minha parte Sensei no Bulge tinha continuado, por exemplo) há algum tempo. E quer queiramos quer não, o shounen é a base dos mangás e é o tema que deixa o leitor mais agarrado.

    Curtir

  17. O texto foi muito bem escrito e a ideia é descrita de forma clara e direta. Mas quando o assunto é vendas, apenas Assassination Classroom mostra, até o momento, ter fôlego pra ser chamado de sucessor de séries de sucesso e que já chegaram a figurar em Top 10 anuais. As demais parecem ser apenas sucessos passageiros, o que, aliás, vem sendo um grande problema pra Jump. Várias séries como Nura e Beelzebub não conseguiram se firmar e creio que a situação das séries citadas, à exceção de Assassination Classroom, seja bem parecida.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s